Não importa o custo, o esforço ou o sacrifício; não se esqueça de que o Caminho existe, de que o Objetivo é atingível e está além de tudo o que você possa imaginar ou conceber agora; de que qualquer preço que tenha sido pago por sua obtenção parece insignificante quando ele é obtido; de que essa é a libertação final da escravidão dos grilhões da matéria e do sofrimento com ela relacionado. A sua obtenção é o serviço e o bem supremos que você pdoe prestar a seus irmãos atados nas correntes de Maia - Mouni Sadhu

Breve relato de Nisargadatta Maharaj

Encontrei meu guru quando tinha 34 anos e me realizei aos 37[...] O prazer e a dor perderam seu poder sobre mim. Fiquei livre de desejos e temores. Encontrei-me pleno, sem necessitar nada. Vi que no oceano da Consciência pura, na superfície da consciência universal, as numerosas ondas dos mundos fenomênicos emergiam e desapareciam sem princípio nem fim. Como consciência, todas são minhas. Como fatos, todos são meus. Há um misterioso poder que cuida deles. Este poder é a Consciência, o ser, a vida, deus, não importa o nome que lhe dê. É o alicerce, o último apoio de tudo o que existe, da mesma forma que o ouro é a base de todas as jóias. E é tão intimamente nosso! Abstraia o nome e a forma das jóias e o ouro se torna óbvio. Liberte-se do nome e da forma e dos desejos e temores que criam, e o que permanece?[...] permanece o vazio. Mas o Vazio está cheio até a borda. É o eterno potencial, como a consciência é o eterno presente.

[...] Meu destino foi nascer um homem simples, comum, um humilde comerciante, com pouca educação formal. Minha vida era do tipo comum, com desejos e temores comuns. Quando, através da fé em meu mestre e pela obediência a suas palavras, realizei meu verdadeiro ser, deixe para trás minha natureza humana para que cuidasse de si mesma, até que seu destino terminasse. Ocasionalmente aparece na mente uma velha reação, emocional ou mental, mas é advertida e desprezada de imediato. Depois de tudo, enquanto alguém levar a carga de uma pessoa, está exposta a suas idiossincrasias e hábitos.[...] Eu já estou morto... Estou duas vezes morto. Não só para um corpo, mas também para a mente. Nisargadatta Maharaj  

Nisargadatta Maharaj
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Quem já sentiu o Espírito Supremo não pode confundi-LO com nada, esquecê-LO ou negar SUA existência. Ó Mundo, se recusares a reconhecer SUA existência com voz unânime, irei abandoná-lo e ainda preservar a minha fé".

"A percepção do desconhecido é a mais fascinante das experiências. O homem que não tem os olhos abertos para o misterioso passará pela vida sem ver nada." - Albert Einstein

"Enfim, podemos continuar acreditando que somos criaturas localizadas, isoladas e condenadas, confinadas ao tempo e ao corpo, e separadas de todos os outros seres humanos. Ou então abrimos os olhos para a nossa NATUREZA IMPESSOAL e ONIPRESENTE e para a MENTE UNA da qual fazemos parte. Se escolhermos a primeira alternativa, nada nos salvará. Se porém, resolvermos despertar para este divino EU, estaremos frente a frente com um novo alvorecer." - Larry Dossey